Postura

Alongamentos

Hoje quero falar sobre alongamentos, e como podemos melhorar a forma que nos alongamos. Na maior parte das vezes, pensamos em alongar uma parte do corpo, nunca um grande pedaço ou todo o corpo de uma vez.

Sempre pensamos em alongamentos de músculos. Mas o que devemos pensar é que músculos têm a forma que têm por causa de fáscias, tecido conjuntivo, ou conectivo.

Os músculos são envoltos por várias camadas de tecido conjuntivo. Eles se unem a outros músculos por meio dos tecidos conjuntivos. Tudo no corpo é unido e separado pelos tecidos conjuntivos, tudo!

Esse tecido é a nossa forma, dentro e fora! Portanto, deve ser considerado quando nos movemos, nos alongamos!

Procure fazer os alongamentos com calma. Pense em grandes segmentos. Imagine o seu corpo como um todo conectado! Pense que você é um todo quando se alonga.

É importante não se apressar para se alongar, tenha prazer em fazer alongamentos, e faça-os com tranquilidade.

Vou dar um exemplo: Fique em pé, ou mesmo sentado e ereto. Coloque um braço esticado acima da cabeça. Pegue o pulso desse braço com a outra mão. Mantenha o corpo pesado, solte a barriga, solte o seu corpo.

Sinta-se com peso, sem entrar em colapso!

Imagine que você se pendura a partir do pulso. E, a partir disso, comece a puxar o braço para fora de você. Com calma, o braço se separa do tronco. Com tranquilidade, você irá sentir que está apoiado no chão ou na cadeira, com o braço se separando de você.

Dá para sentir o tronco pesado se separando do braço. Conseguimos muito com a nossa imaginação.

Ao se alongar, pense que você não está alongando uma parte do seu corpo, mas que você quer alongar o seu corpo inteiro. Com paciência, vai conseguir sentir que o seu corpo está pesado e, em oposição ao braço, está sendo puxado pelo pulso; isso fará toda a diferença.

Pense nisso, com paciência conseguimos mudar. Pense que é a sua mente que tem que mudar, é a forma como você se sente que tem que mudar.

Não é fácil, leva tempo, mas experimente! Quando você começar a entender isso, terá prazer em mudar. Trata-se de mudar a maneira com que você se percebe. Experimente e os resultados irão surgir!

Post anterior

Você pode gostar também de